Gravidez de óleo de cannabis ▷ Poderia ser eficaz?

óleo de cannabis e gravidez, o que deve ser considerado? De um jeito ou de outro, as mesmas perguntas das mulheres na internet continuam soando. Tais questões são essencialmente baseadas em se há um perigo para a mãe, mas sobretudo para o bebê durante a gravidez ? Se existe tal perigo e o que você deve prestar atenção, você pode ver abaixo a experiência .

h2: Aspectos positivos e negativos do consumo de óleos de cannabis
Quem leu este artigo e talvez antes ou depois de outros artigos na Internet, quem ficará confuso. Confuso pelo motivo que as opiniões sobre saúde e óleos de cannabis em uma óleos de cannabis grávida não podem ser mais diferentes. Por um lado, o efeito do óleo CBD é elogiado. Finalmente, os óleos de cannabis em várias doenças. Em relação às gestantes, por exemplo, o alívio dos sintomas típicos que podem ocorrer quando grávida é. Estes incluem náusea ou fadiga. Ou o fornecimento de importantes vitaminas, gorduras e ácidos como o Omega 3. Os óleos de cannabis são diferentes, todos eles porque existem 50 espécies de plantas das quais deriva. Além disso, você pode obter óleos de cannabis com um teor de THC de 0,2% e sem THC .

Nenhum resultado científico conclusivo

O outro ponto de vista é que os óleos de cannabis devem ser evitados. Porque o consumo pode levar ao comprometimento do suprimento à placenta. Aqui, o consumo de óleos de cannabis , CBD cristais , CBD colar e CBD pode afetar o crescimento de um bebê. Mas é preciso dizer que a pesquisa sobre os óleos de cannabis e a gravidez ainda está em andamento. Por conseguinte, não se pode concluir dizendo como o consumo de óleos de cannabis efeito concreto e se existe um óleos de cannabis ou uma desvantagem. O que deve ser dito é que a União Europeia óleos de cannabis cautela quando se óleos de cannabis do uso de óleos de cannabis quando grávida. Em geral, a União Europeia não vê riscos para a saúde de mulheres não grávidas. O consumo é até recomendado aqui, os óleos de cannabis e outros produtos da CBD são aprovados como suplementos dietéticos. ,

Isso deve ser feito

Independentemente da confusão sobre os aspectos supostamente positivos ou negativos do consumo durante a gravidez, surge naturalmente a questão da abordagem correta. Isso não é tão fácil porque simplesmente carece de evidências científicas. Se você durante a gravidez deve a questão do uso de óleos de cannabis de vários pontos viciado fazem. Isso inclui o ginecologista, aqui você deve procurar aconselhamento do seu médico. Só porque uma gravidez pode ser bem diferente, isso pode facilmente detectar riscos potenciais. Se riscos como um cuidado ou crescimento geralmente fraco ou debilitado do bebê são perceptíveis, deve-se considerar isso como uma oportunidade e, como precaução, renunciar ao consumo de óleos de cannabis . Embora deve-se também perguntar se um durante a gravidez THC contendo óleos de cannabis não poderia viver sem.

Se alguém pode consumir durante a gravidez óleos de cannabis , não se pode responder de forma conclusiva. Aqui há uma falta de pesquisa suficiente. Infelizmente, é também devido a este facto que as opiniões sobre os óleos de cannabis e a gravidez são muito diferentes. A União Européia, que óleos de cannabis e outros produtos da CBD como suplemento dietético, pelo menos aponta para um comportamento prudente durante a gravidez. Isso deve ser ouvido e aconselhado pelo seu ginecologista. Aqui deve-se sempre ficar de olho no desenvolvimento do bebê e no seu cuidado. Com base nestes resultados, deve-se também fazer a questão do consumo de óleos de cannabis durante a gravidez.

Speak another language? No problem: de en es fr it nl pl pt sv da

0 replies

Leave a Reply

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *